Archive for Agosto, 2007

Que nos revezemos…

Aqui fica um poema da autoria de um nosso leitor, o Eduardo. Um grande abraço para ele!

Menor a vida que minhas perguntas,
menor o tempo que minha vontade
de viver, de saber, de contar…
Poetas desejam demais contar
coisas que descobriram, coisas que
souberam, que viveram…
Mas é menor a vida que o que nos baste,
é menor a vida e o tempo que o que
nos chegue!
Façamos assim, que nos revezemos,
eternamente,
contando ao mundo, eternamente,
o que vimos, que soubemos e vivemos
cada um
no pouco tempo que lhe restou contar!

Agosto 27, 2007 at 5:10 pm 15 comentários



Folhetim Cultural e artístico de Lisboa, Divulgação Cultural
Facebook

Poemas do mundo

Poemas do meu Mundo que ardem vivos em meu olhar que no coração escavam bem fundo e que não o deixam pulsar...

  • 983,754 visitas