Sou um guardador de rebanhos

Junho 4, 2006 at 8:56 pm 5 comentários

Sou um guardador de rebanhos.
O rebanho é os meus pensamentos
E os meus pensamentos são todos sensações.
Penso com os olhos e com os ouvidos
E com as mãos e os pés
E com o nariz e a boca.

Pensar numa flor é vê-la e cheirá-la
E comer um fruto é saber-lhe o sentido.

Por isso quando num dia de calor
Me sinto triste de gozá-lo tanto,
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei da verdade e sou feliz.

Alberto Caeiro, Heterónimo de Fernado Pessoa

Entry filed under: Fernando Pessoa, Fernando Pessoa - Alberto Caeiro. Tags: .

Recordar é Sonhar Poema

5 comentários Add your own

  • 1. TERESA VARELA  |  Março 22, 2007 às 6:30 pm

    “Sei da verdade e sou feliz”
    ah!!! grande Pessoa

    Responder
  • 2. clarissa  |  Junho 28, 2007 às 5:42 pm

    meu poema preferido…no entanto, ele só é de todo entendido quando completo…muito emocionante.

    Responder
  • 3. mamadu baldé  |  Março 10, 2011 às 2:48 pm

    lindo poema…penso que a melhor forma de sentir é tocar e ver

    Responder
  • 4. https://www.facebook.com/AgencjaCopywriterskaEfea  |  Janeiro 15, 2014 às 3:54 pm

    Please let me know if you’re looking for a writer for your weblog.
    You have some really good articles and I believe I would be a good asset.

    If you ever want to take some of the load off, I’d love to
    write some articles for your blog in exchange for a link back
    to mine. Please send me an e-mail if interested. Thank you!

    Responder
  • 5. Bennie  |  Outubro 8, 2014 às 8:09 pm

    Hey there, You have done a great job. I’ll certainly digg it and personally
    suggest to my friends. I’m sure they’ll be benefited from this
    website.

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed



Folhetim Cultural e artístico de Lisboa, Divulgação Cultural
Facebook

Poemas do mundo

Poemas do meu Mundo que ardem vivos em meu olhar que no coração escavam bem fundo e que não o deixam pulsar...

  • 890,912 visitas

%d bloggers like this: